Orquidários da ORCHIS

Um orquidário da Orchis tem uma coleção especial das plantas mais evoluídas do mundo, acomodadas em estruturas personalizadas que oferecem um ambiente ideal para seu cultivo. A integração da arte com a natureza fascinante das orquídeas é o principal objetivo da Orchis.

Sua ideia é propor uma maneira mais interessante de conhecer estas plantas que todos adoram pela beleza de suas flores mas poucos conhecem os verdadeiros motivos pelos quais elas causam tanta admiração nas pessoas. A melhor maneira de começar a entender e se apaixonar pelas orquídeas é através do contato direto com elas, para conhecer suas peculiaridades e artimanhas, e com isso derrubar o mito de que “orquídeas são plantas difíceis de se cultivar”. Elas apenas são diferentes das outras plantas.

Na entrada dos orquidários da Orchis, tal como em uma sala de uma exposição, fica uma placa de apresentação com algumas informações interessantes, tais como a definição do que é uma orquídea, uma introdução ao incrível processo de polinização de suas flores, histórias interessantes sobre algumas orquídeas, diferença entre espécies e híbridos, etc.

Cada orquídea dos Orquidários da Orchis também tem uma placa de identificação (modelo abaixo) com a foto de sua flor, seu local de origem, seu nome científico junto com sua explicação (etimologia) e o ano em que foi descrita, sua época de floração, informação sobre seu perfume e alguma outra curiosidade sobre a planta, o que a deixa mais atrativa até mesmo sem flores.


Placa de identificação ORCHIS

 

A coleção inicial proposta é composta por cinquenta espécies cuidadosamente selecionadas de acordo com o clima local do orquidário e com sua época de floração, com o objetivo de ter plantas floridas em todas as estações do ano.

 

Existem algumas espécies que são muito bem adaptadas ao clima da nossa região e por isso tem presença garantida em todos os orquidários da Orchis. Entre elas estão a Cattleya labiata (a “Rainha das Cattleyas“), que floresce no começo do outono,a Cattleya warneri com seu intenso perfume na primavera (ambas nas variedades tipo e caerulea, a famosa orquídea azul). Também fazem parte das coleções a Angraecum sesquipedale, a Orquídea de Darwin, , a Laelia purpurata (algumas de suas variedades de cores), a Laelia tenebrosa com seu labelo hipnótico, o Oncidium phymatochillum com suas hastes florais enormes e perfumadíssimas, a Cattleya walkeriana, tão desejada por colecinadores, a linda Cattleya amethystoglossa, as colombianas Cattleya trianaei e Cattleya gigas (que tem flores que podem chegar a 25 centímetros de diâmetro) entre muitas outras, cada uma com sua beleza.

Enfim, uma coleção que até o mais exigente orquidófilo(a) vai admirar!